Augusto dos Anjos

A Seção Brasiliana do Portal Bonifácio registra os 106 anos da morte do poeta paraibano Augusto dos Anjos. Autor de uma obra de estilo indefinido, para alguns simbolista, para outros parnasiano, ou pré-modernista para Ferreira Gullar, Augusto dos Anjos é até hoje um poeta popular, recitado nas rodas boêmias e dos admiradores da poesia. Deixou publicado um único livro “Eu e outras poesias”. Versos íntimos e Psicologia de um vencido estão entre os sonetos mais conhecidos e mais recitados da literatura brasileira.

Deixe um comentário

Os comentários serão avaliados pela redação. Solicitamos que o debate de ideias seja mantido em nível elevado, à altura da busca de soluções para os problemas nacionais. Não se admitem xingamentos pessoais nem acusações que configurem os crimes de calúnia, injúria e difamação.

Escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui